IF USP ESCOLA

Suporte ao professor de Ciências da Natureza. Aqui você encontra recursos para elaboração de aulas.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

3o ENCONTRO USP ESCOLA

ATENÇÃO:

Na semana seguinte ao Encontro, de 16 a 20 de janeiro, será ministrado um curso satélite para professores de matemática pelo CAEM, no IME-USP. Para maiores informações, acesse www.ime.usp.br/caem

3o ENCONTRO USP-ESCOLA – Inscrições abertas!


O 3º Encontro USP-Escola ocorrerá no período de 09 a 13 de janeiro de 2012 e será voltado preferencialmente a professores em exercício que ministrem aulas nas áreas de ciências, física, química, inglês e matemática do ensino básico, ou que desejem ampliar seus conhecimentos e metodologias de ensino. Os cursos específicos são organizados principalmente com base na Proposta Curricular do Estado de São Paulo.
Para inscrições nos cursos que se realizarão de 9 a 13 de janeiro, acesse: http://web.if.usp.br/extensao/node/45.

Na semana seguinte ao Encontro, de 16 a 20 de janeiro, será ministrado um curso satélite para professores de matemática pelo CAEM, no IME-USP. Para maiores informações, acesse www.ime.usp.br/caem

Como de praxe, serão emitidos certificados com reconhecimento da Coordenadoria de Estudos e Normas Pedagógicas (CENP) da Secretaria de Estado da Educação em ambos os cursos.


Cursos de atualização para professores do ensino básico em diferentes áreas:

EMENTAS DOS CURSOS:



1) Química - MÓDULO 3 - TERCEIRA SÉRIE DO ENSINO MÉDIO - Profa Silvia Agostinho (IQ)

Aula1 – Estudo da atmosfera
Aula2 – Produção e síntese da amônia. Reações reversíveis e equilíbrios químicos.
Aula3 – Cinética das transformações químicas.
Aula4 – Equilíbrios do tipo ácido-base. Escala de pH.
Aula5 – Equilíbrios químicos.
Aula6 – água do mar:composição aproveitamento e preservação.
Aula7 – Química Orgânica no dia-a-dia, em processos industriais e biológicos.
Aula8 – Química Orgânica: outras aplicações. Fármacos. Desequilíbrios ambientais.
Aula9 – Diminuição da poluição no planeta. Lixo e reciclagem.
Aula10 – Energia nuclear: diferentes aplicações.
-----------------------------------------------------------------------


2) Química - CONTEXTUALIZANDO A QUÍMICA EM SALA DE AULA - Profa Maria Eunice Marcondes Machado (IQ)

Formação dos alunos e as necessidades atuais da sociedade;
1 a química na formação para a cidadania - o tratamento de temas atuais relacionados à química no ensino médio;
2 as abordagens contextualizadas no ensino de química
3 exemplos e experiências de ensino
------------------------------------------------------------------------------

3) Física - IIIENC-física - A Inserção da Física Moderna no Ensino Médio através do Estudo dos Aceleradores de Partículas - Prof. Ivã Gurgel, Marcelo Munhoz e Graciela Watanabe (IFUSP)


Este curso tem como intuito discutir conceitos de física nuclear e de partículas através do acelerador de partículas Pelletron. Neste contexto, serão abordados três grandes temas a serem estudados no curso. O primeiro tema refere-se aos aspectos sociais e políticos dos aceleradores de partículas e suas descobertas sobre elementos sub-atômicos. Na segunda etapa serão abordados as questões técnicas envolvidas no processo de aceleração de feixes de íons e suas relações com conteúdos abordados em sala de aula. A última temática se propõe a discutir como levar essas discussões para sala de aula através da Nova Proposta do Estado.


---------------------------------------------------------------------------------------------------------------


4) Fisica - OFICINAS EXPERIMENTAIS PARA CAPACITAR O PROFESSOR A PROJETAR / CONSTRUIR / UTILIZAR EXPERIMENTOS DE FÍSICA NO ENSINO BÁSICO - Prof. Fuad Saad e Claudio Furukawa (IFUSP)


As oficinas experimentais pretendem capacitar os docentes a construir / utilizar experimentos simples de Física para subsidiar e contextualizar o Ensino de Física e de Ciências.
As oficinas experimentais abrangerão experimentos de:
· Mecânica
· Pressão e densidade
· Calor
· Ótica
· Eletricidade e Eletromagnetismo
---------------------------------------------------

5) Inglês (somente para professores dessa matéria) - Promovendo a escrita em inglês por meio da mídia eletrônica - Profa Marilia Mendes Ferreira (FFLCH)



Objetivos:
1) Promover a escrita em inglês na escola pública através dos recursos da colaboração a distância com escolas públicas de outros países.
2) Despertar o interesse dos alunos e professores para a importância da escrita de modo geral e a viabilidade de seu ensino no contexto da escola pública
3) Motivar os professores para o ensino do inglês na escola pública
Programa:
- A escrita e as outras habilidades no ensino de inglês
- O ensino de escrita em língua estrangeira – um breve histórico
- Escrita e colaboração à distância
- Alguns pressupostos da pedagogia baseada na teoria da atividade
- Desenvolvimento de atividades em contexto de parceria a distância
- Avaliação da produção escrita

------------------------------

6) Diversos - REALIZAÇÃO AUDIOVISUAL ATRAVÉS DA FORMAÇÃO DO OLHAR - Patricia Moran (ECA)


Objetivo
Produzir uma mudança na maneira como os professores assistem aos filmes. Levá­-los a perceber a produção de cinema em vídeo em suas diferenças e pontos de aproximação. Mostrar aos alunos através de exercícios práticos como se produz para o audiovisual com tecnologia simples. Discriminar os profissionais envolvidos na produção audiovisual definindo suas funções para a realização do trabalho.

Programa
40 horas
O curso faz um panorama dos aspectos históricos e técnicos do audiovisual, bem como suas propostas expressivas, visando à formação do olhar tecnicamente qualificado através dos exercícios práticos. Em paralelo os alunos terão contato com as etapas de realização audiovisual.
1- Etapas da Produção: Roteiro, Filmagem e Finalização.
2- Introdução ao Roteiro.
3 - Representação do Espaço Tridimensional na Imagem em Movimento.
4- Captação de Som.
5- O papel do Diretor: da escolha do tema ao seu desenvolvimento.
6- Decupagem.
--------------------------------------------------------------------------------------

7) Física - FÍSICA E MEIO AMBIENTE (A CONFIRMAR) - Prof. Américo Kerr (IFUSP)
HISTÓRIA DOS SISTEMAS ENERGÉTICOS E SEUS IMPACTOS AMBIENTAIS


Desde a pré-história a humanidade tem utilizado diferentes sistemas energéticos que ampliam a capacidade humana de trabalho e de realização de tarefas mais complexas. Houve diferenças e similaridades nas opções adotadas segundo os povos, ou conforme a região do mundo. Representaram sempre impactos ambientais significativos e que, direta ou indiretamente, terminam interferindo sobre a qualidade de vida dos seres humanos. O curso se propõe a discutir brevemente o conceito físico de energia e como se conserva em suas múltiplas formas de expressão. A partir daí deverá discutir os sistemas energéticos adotados pelos povos ao longo da história e sua inter-relação com as estruturas sociais e de poder dominantes. Destaque especial será dado à discussão do sistema energético predominante hoje, baseado majoritariamente na queima de combustíveis fósseis. Ele tem produzido impactos ambientais profundos, particularmente sobre a saúde humana. Em combinação com a enorme expansão da população humana e em função de um modelo econômico consumista, delineia-se também a possibilidade de estar associado a mudanças climáticas em dimensões globais. O estudo destas e de outras questões ambientais tem amplo caráter interdisciplinar, ao mesmo tempo em que são indissociáveis de uma discussão mais abrangente sobre cidadania e da necessidade urgente de construirmos uma sociedade justa, cooperativa, solidária e que se organize de modo sustentável. Os saberes científicos envolvidos na análise e discussão dessas questões representam instrumentos importantes para a ação cidadã, ao mesmo tempo em que conhecê-los pode aguçar a curiosidade e a dedicação ao estudo e à pesquisa, elementos importantes ao desenvolvimento humano.
Conteúdo

4.a) Conceito físico de Energia e a Conservação da Energia.
4.b) Sistemas energéticos, Estados e modelos sociais experimentados por diferentes povos.
4.c) A combustão e seus impactos na saúde e no meio ambiente.
4.d) Uso de combustíveis fósseis, impactos na saúde e no clima.
4.e) Sistemas energéticos e alternativas econômico-sociais sustentáveis.
---------------

8) Ensino de Física - Libras e o ensino de Física na perspectiva inclusiva para a pessoa surda - Profs. Jucivagno Cambuhy e Marcia Silva


· Os conceitos de inclusão e Exclusão.
· Legislação.
· Modelos de Educação para Surdos.
· Declaração de dois surdos formados no ensino superior e as barreiras educacionais enfrentadas pelos mesmos.
· Libras é o segundo idioma oficial do Brasil.
· Libras e Sinais básicos para a comunicação com surdos.
· A Importância da Experimentação no ensino para surdos.
· As metodologias de ensino de Física para surdos.
· Metodologias de Avaliação para surdos.
· Vocabulário em Libras na área de física no ambiente escolar.


9) ASTRONOMIA - EXPERIMENTAÇÃO, DEBATES E CONSTRUÇÃO DE MODELOS - Grupo Sputinik


Desenvolver atividades que auxilie os docentes no ensino de astronomia, discutindo práticas, métodos e conteúdos. Construção de modelos, proposição de debates, observação do céu real e virtual ( inclui visita ao observatório Abraão de Moraes - USP - Valinhos)



10) Ciências - EXPERIMENTO E CONCEITO NOS CADERNOS DO ESTADO - Profa. Vera Henriques (IF)
Ementa a ser enviada.


Para inscrições, acesse: http://web.if.usp.br/extensao/node/45.


Instituto de Física - Universidade de São Paulo

Rua do Matão Travessa R Nr.187 CEP 05508-090 Cidade Universitária, São Paulo - Brasil

Caixa Postal 66318 CEP 05314-970 Telefone:(55)(11)3091-6681

Email: ccultext@if.usp.br
--------------------------------------------------------------------------------

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

O Cérebro e a Matemática - Curso de Atualização

O Cérebro e a Matemática



Data de início   13/08/2011

Coordenação do curso

Dr. Erasmo Barbante Casella - Coordenador do Ambulatório de Distúrbios de Aprendizagem - ICr HC FMUSP

Dra. Ana Maria Alvarez - Fonoaudióloga, Doutora em Neurociências pela FMUSP

Dr. Angelo Rezende - Ambulatório de Distúrbios de Aprendizagem ICr HC FMUSP

Dr. José Alexandre Bastos - Neuropediatra da UNESP de São José do Rio Preto

Objetivo

O Instituto da Criança está inaugurando um centro com o objetivo de associar os conhecimentos da Neurociência com os advindos da Educação, para melhorar a compreensão do aprendizado da Matemática, das dificuldades em relação ao aprendizado desta área e possibilidades de intervenção. Diante disto, baseado na experiência anterior dos palestrantes, que já trabalham na área, idealizamos este curso, no qual pretendemos que no final do dia, os participantes possam ter adquirido conhecimentos nos seguintes tópicos:

1. Como as crianças aprendem a matemática, considerando as diversas fases do desenvolvimento cerebral.
2. Porque algumas pessoas não aprendem tão facilmente a matemática.
3. Como avaliar o conhecimento da matemática nas crianças e adolescentes.
4. O que pode ser feito para solucionar ou amenizar a dificuldade de aprendizado da matemática

Maiores informações no link : CAEPP

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Programa Novos Talentos

Programa Novos Talentos
Sexta, 04 de Junho de 2010 14:21
O Programa de Apoio a Projetos Extracurriculares: Investindo em Novos Talentos da Rede de Educação Pública para Inclusão Social e Desenvolvimento da Cultura Científica visa a inclusão social e desenvolvimento da cultura científica por meio de atividades extracurriculares para alunos e professores das escolas da rede pública de educação básica. As atividades deverão ocorrer nas dependências de universidades, laboratórios e centros avançados de estudos e pesquisas, museus e outras instituições, inclusive empresas públicas e privadas, visando ao aprimoramento e atualização de professores e alunos da educação básica.

Envio de propostas
As propostas devem ser encaminhadas até 23 de julho e devem contemplar o currículo da educação básica, articulando-o com perspectivas educacionais, científicas, culturais, sociais ou econômicas (arranjos produtivos locais) inovadoras, contribuindo para enriquecer a formação de alunos e docentes da educação básica. Os projetos do Programa Novos Talentos serão analisados, acompanhados e avaliados pela Capes, inclusive com uso de ambiente virtual e visitas in loco.

Contato
Mais informações pelo e-mail novostalentos@capes.gov.brEste endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. .

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Escola de Física em língua portuguesa no CERN, Genebra

SOCIEDADE BRASILEIRA DE FÍSICA
Caros professores
Visando manter atividade já ocorrida em 2009 e 2010, informamos que encontram-se abertas, até o dia 20 de junho de 2011, as inscrições para a seleção de professores de Física do Ensino Médio para participarem da Escola de Física em língua portuguesa no CERN, Genebra, no período de 4 a 9 de setembro de 2011. Conforme o edital lançado pela SBF, poderão se inscrever professores de Física do Ensino Médio que atuem em escolas federais, estaduais, municipais e particulares.
Nesse sentido, convidamos aqueles que se enquadram nos requisitos do edital a se inscreverem e a divulgarem essa informação.
O edital, orientações e o formulário de inscrições podem ser acessados através do endereço
Prof. Dr. Nilson Marcos Dias Garcia
Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Tel. (55) (41) 3310-4718 / 4711 / 4641

CURSOS EXTENSÃO II ENCONTRO USP-ESCOLA JULHO 2011

Comissão de Cultura e Extensão do IFUSP


Encontros USP – Escola

INSCRIÇÕES - http://web.if.usp.br/extensao/node/80

O II Encontro USP -Escola realizar-se-á de 18 a 22 de julho de 2011 e constitui-se de cursos de atualização simultâneos, palestras e oficinas para professores do ensino fundamental e médio. Serão 15 cursos, três deles realizados na Escola Técnica Marçal Brandão (perus) e doze na USP – Butantã.

Em Perus!

1. Experimentos e Demonstrações em Ótica
Mikiya Muramatsu (IF-USP)
Interação da luz com a matéria; formação de imagens por reflexão/refração; instrumentos ópticos; cores; difração e interferência da luz; princípio e aplicações do LASER;Holografia
2. Projetos Interdisciplinares para a Escola Pública - Jonny Nelson Teixeira (IF-USP)
• Projetos e a sua importância na aprendizagem dentro da escola pública. - Estrutura de um projeto.
• Interdisciplinaridade e transdisciplinaridade na escola pública.

3. Elementos e estratégias para o ensino de Ciências - Luis Augusto Alves, Luana Dalmaschio Biasutti, Barbara Milan Martins,Flavia Baia Luana (IF-USP) Mikiya MuramatsuApresentação das Ciências da Natureza como presentes em muitas formas na cultura, na vida em sociedade, com a investigação dos materiais, substâncias, da vida e do universo. Como se relacionam com as técnicas, nos vários setores produtivos constituindo a tecnologia, resultando nos avanços que transformaram a vida e nossa relação com o mundo nos últimos séculos especialmente.

Na USP-Butantã

4. Química em 3 módulos:
Módulo 2 - 2a Série do Ensino Médio - Sílvia Agostinho (IQ)
O curso é dedicado a professores de Ciências do Ensino Fundamental, e de Física, Química e Biologia no Ensino Médio, e tem como objetivo o desenvolvimento de um olhar interdisciplinar na abordagem dos temas propostos. A metodologia a ser utilizada é a de, após pequena introdução ao assunto, efetuar a realização de experimentos ou construção de modelos, acompanhada de discussão conceitual, em grupos.
5. A contextualização no Ensino de Química - Maria Eunice Ribeiro Marcondes (IQ)
Água para o Consumo Humano; uso e preservação da água no mundo, fontes causadoras da poluição das águas, impurezas presentes na água, métodos de purificação; modelos sobre a estrutura da matéria; emprego de medidas de condutividade para melhor entendimento de estruturas de substâncias e de soluções moleculares e eletrolíticas; conceito de íons e de solvatação; visão quantitativa das transformações químicas; exemplos de transformações do dia-a-dia, representação das transformações na forma de equações químicas; energia envolvida em diferentes transformações químicas; forças de interação nos diferentes estados físicos da matéria; ligações fortes e fraca, inter e intra moleculares; pressão atmosférica e seu efeito sobre a temperatura de ebulição; transformações químicas de óxido-redução; exemplos do dia-a-dia e de processos industriais; corrosão metálica; pilhas, acumuladores e células a combustível; cuidados com o meio ambiente; reciclagem de materiais; eletrólise em meio aquoso e de sais fundidos; aplicações a processos industriais.
6. O ensino da escrita em inglês através de gêneros textuais - Marília Ferreira (FFLCH)
• Promover a escrita em inglês na escola pública através dos gêneros textuais.
• Despertar o interesse dos alunos e professores para a importância da escrita de modo geral e a viabilidade de seu ensino no contexto da escola pública.
• Expor as diferentes teorias de gênero textual e suas relações com os documentos oficiais.
• Motivar os professores para o ensino do inglês na escola pública.

7. Oficina de Edição e Finalização de Conteúdo para a Web – Almir Almas (ECA)
Oficina de edição que oferece um panorama dos programas de edição não-linear disponíveis na rede. Os alunos editam o exercício produzido, passando por tópicos como organização de material, ponto de vista, decupagem, construção de sentidos, montagem interna, corte em movimento e em continuidade, ritmo, elipses, corte e seus efeitos nas relações espaciais e temporais, bem como questões básicas de construção sonora. Segunda Parte (20 horas): Oficina de finalização de vídeo para publicação na web.
8. Libras e o ensino de Física na perspectiva inclusiva para a pessoa surda
Roseli Cecília Rocha de Carvalho Baumel (FEUSP)
• Os conceitos de inclusão e Exclusão. Legislação. Modelos de Educação para Surdos.
• Declaração de dois surdos formados no ensino superior e as barreiras educacionais enfrentadas pelos mesmos. Libras e o segundo idioma oficial do Brasil. Libras e Sinais básicos para a comunicação com surdos. A Importância da Experimentação no ensino para surdos. As metodologias de ensino de Física para surdos. Metodologias de Avaliação para surdos.
9. Fluidos Complexos, propriedades e aplicações (Física, Química e Biologia) – Adriana Tuffaille (IF-EACH - INCTFC)

Estrutura da Matéria Condensada. Ferrofluidos, demonstrações, atividades práticas e aplicações médicas com visita ao laboratório de pesquisa do Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein. Líquidos. Água e Sistemas Aquosos. Atividades Práticas com Líquidos e Espumas. Cristais Líquidos puros e dopados com ferrofluido. Atividades Práticas com LCD, display de cristal líquido e LED, diodo emissor de luz. Fluidos Biológicos, Sangue e Colesterol.

10. Astronomia - experimentos
Vera Henriques e José Osvaldo Xavier (IFUSP)
A astronomia com observação do céu, viagens virtuais na galáxia, debates sobre a estrutura do sistema solar e do universo.
11. Ciências na cozinha e no universo (USP)
Vera Bohomoletz Henriques (IFUSP)
1.Tempo-geografia; ímãs e constelações; luz, tempo astronômico, relógio de sol; 2.Do que são feitas as coisas – átomos, moléculas, estruturas e energias, células; 3.Ciência na cozinha – proteínas, membrana e surfactante – preparação de receitas; 4.A sopa do Universo – energia nuclear, partículas e big-bang.
12. Óptica: Conceitos, Exemplos, Contexto e Experimentos
Danilo Claro Zanardi (IFUSP)
Luz e visão, energia radiante e ondas eletromagnéticas; classificação de fontes de luz; reflexão e absorção; meios opacos, translúcidos e transparentes; entendendo as cores; reflexão da luz; espelhos; refração da luz; óptica física; câmara escura e muitos outros assuntos.
13. Superando obstáculos com o Ensino de Física Moderna com materiais de divulgação
Ivã Gurgel (IFUSP)
Física Atômica: Propriedades macroscópicas dos materiais em relação à sua estrutura atômica. Modelos Atômicos. Átomo Quântico. Transições Atômicas. Espectros de Emissão e Absorção. Laser. Física Nuclear: Forças Nucleares. Estabilidade Nuclear. Emissão de Radiações. Efeitos Biológicos das Radições. Medicina Nuclear. c – Física de Partículas: Evolução Histórica das Partículas. A Ciência no Brasil. Propriedades das Partículas e sua Detecção. Simetrias e Leis de Conservação. Classificação das Partículas. Modelo Padrão. Aceleradores de Partículas. Problemas Atuais em Física de Altas Energias.
14. Construção de atividades contextualizadoras do conceito energia a partir de referenciais da pesquisa em Ensino de Ciências
Esdras Viggiano e Cristiano Mattos (IFUSP)
Abordagem de discussões realizadas no âmbito da pesquisa em ensino de ciências, ligadas à teoria do discurso didático, noção de perfil conceitual complexo e a teoria da atividade.


Professor, não esqueça, faça sua inscrição no link : http://web.if.usp.br/extensao/node/80

quarta-feira, 27 de abril de 2011

Reunião 9 abril 2011

GT IFUSP – Escola

Grupo Interdisciplinaridade: Robson, Denise, Andréia, Jaque
Grupo Mecânica: Kátia, Maria Clara, Cely, Suellen, Vera, Marcio

1. Já está fixada a data do IX Encontro IFUSP-Escola /I Encontro USP-
Escola: 18 a 22 de julho.
a) Ficou acertada a colaboração do grupo de Interdisciplinaridade e
Vera para oferecer um curso de Ciências (com atividades com 2
roteiros, de ensino médio e de ensino fundamental), com
experimentos-“chave” que integrem as três ciências, física, química e
biologia. Utilizar material dos cursos “Ciência na Cozinha” (Robson),
“Experimentando com Mãos e Mentes” (Vera, VI Encontro,
https://docs.google.com/viewer?a=v&pid=explorer&chrome=true&srcid=0BzyLpMnB_z7cNDcyMWZmMDUtMDdkMC00YmUzLWE3NWMtMDI4ZDM1MDA2ZjY4&hl=en&pli=1
), e Energia (Andréia).
b) No II Encontro, o GT IFUSP-Escola deverá apresentar o que
desenvolveu. O grupo de Interdisciplinaridade apresentará uma aula no
curso de Ciências. O grupo de Mecânica apresentará o trabalho
desenvolvido na escola e uma avaliação do mesmo, focalizando a
comunicação com os alunos e seu aprendizado.

2. Pesquisa sobre dificuldades/sucessos da interação universidade-
escola: Maria Clara falou sobre seu projeto de mestrado, orientado
pelo Mikiya, que visa obter elementos para avaliar as possibilidades
de impacto da interação escola-USP. Consultou os professores sobre a
possibilidade de realizar entrevistas e visitar as escolas.

3. Reunião Interdisciplinaridade
Apresentação dos materias sobre a origem do universo(lendas e mitos de
várias culturas)
Proposta de aula:
Estrutura da aula

-Atividade pratica( quebra de paradigma)
-Origem do universo
-Introdução:
mitos e lendas, *abordagem: mito x lenda
filosofia = reflexão
religião = fé
ciência = experimentação

Tarefas: propor uma atividade pratica sobre a origem do universo
Robson: enviar programa do curso “Ciência n Cozinha”
Andréia: enviar material do curso sobre Energia.

4. Reunião Mecânica:
Foram realizadas em suas salas de aula, por parte de alguns dos
integrantes do grupo, algumas atividades de pré-avaliação, algumas
atividades de desenvolvimento do tema e algumas atividades de
avaliação posterior, com os alunos. Os dois temas trabalhados desta
forma são:
- Grandezas, unidades, instrumentos
- Espaço, tempo, velocidade, representação gráfica e experimentos.
A discussão de alguns destes resultados já nos mostrou a necessidade
de tomarmos consciência sobre dificuldades de nossa comunicação com os
alunos (conceitos que consideramos “óbvios”, mas que não fazem parte
do repertório do aluno; linguagem que utilizamos, incompreensível para
os alunos, mas que não nos damos conta).
Planejamos organizar este material para a próxima reunião:
- roteiros das atividades desenvolvidas
- planilhas de resultados da avaliação com os alunos
Participantes que já apresentaram algumas atividades: Viviane,
Beatriz, Cleiton, Kátia, Maria Clara.
Na medida em que tiverem estes materiais prontos, colocar no
Google.docs, ou trazer no dia da reunião, para planejarmos a
apresentação ao II Encontro USP-Escola.

Próxima reunião:
Sábado, 14 de maio, às 13:30

Saudacões,

Vera

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Experimentos de Fisica - USP - Prof Fuad

video

No período de 07 à 11 de fevereiro de 2011, ocorreu no Instituto de Física da USP, o Curso :  Desenvolvimento de Experimentos para subsidiar o ensino de Física .O Curso do  Prof  FUAD foi realizado de  segunda a sexta, das 8h30 às 17h30.
Foram  explorados, através de oficinas, experimentos básicos de mecânica, calor, ótica, eletrostática, eletrodinâmica e eletromagnetismo visando oferecer ao professor  uma oportunidade de utilizar experimentos de demonstrações  e para atividades em grupo com os seguintes conteúdos abordados:
·         MECÂNICA:  Estudo de movimentos, energia cinética e potencial, densidade, pressão hidrostática e atmosférica.
·         CALOR: Transferência de calor, mudança de estado, ponto de orvalho.
·         ÒTICA: Reflexão da luz, espelhos, refração da luz, reflexão total, lentes.
·         ELETROMAGNETISMO: Experiências de eletrostática, circuitos elétricos, imãs, indução eletro-magnética, motores simples.

Coordenador :
Prof.  Dr. Fuad Daher Saad

Autores:
Prof.  Dr. Fuad Daher Saad
Prof.  Dr. José Henrique Vuolo
Prof.  Paulo Yamamura      
Prof.  Cláudio H. Furukawa
Profª. Denise Gomes dos Reis

Colaboradores :
Maria Aparecida de O. Marques
Paulo Roberto S. Flores
Carlos Roberto Marques
Carlos Eduardo Freitas
Josiane Vieira Martins




terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Convite para a reunião do GT dia 12/02/2011.

Professores de Física do Ensino Médio, nós o Grupo de Trabalho GT, esperamos a sua contribuição com a experiência adquirida em sala de aula para o aperfeiçoamento de materiais que possibilitem aulas mais dinâmicas e qualitativas, inicialmente na área de Mecânica.
Nossas reuniões acorrem sempre no segundo sábado do mês. E neste próximo sábado 12/02/2011 estaremos nos reunindo no Instituto de Física da USP, então venha participar de nossas discussões.
As reuniões acontecem entre 13:40 e 18:00h.
Quem estiver interessado pode entrar em contato pelo email ifuspescola@gmail.com .

SUA CONTRIBUIÇÂO PODE FAZER A DIFERENÇA!

domingo, 6 de fevereiro de 2011

Encontro Regional de Ensino de Astronomia 2011

Tem como público alvo principalmente professores, mas aberto também à alunos de graduação e público em geral. Os professores recerão um galileoscópio incluindo a montagem para suas escolas (mesmo havendo mais professores de um determinada escola, somente uma luneta será doada).

Os EREAs nasceram no Ano Internacional de Astronomia (AIA), como um subprograma das comemorações do AIA. O responsável por este programa junto ao CNPq é o Prof. Dr. Jaime Fernando Villas da Rocha e na organização dos eventos o Prof. Dr. João Batista Garcia Canalle.

Este ano os eventos ocorreram em São Paulo em dua datas:
-São Paulo, de 10 a 12 de fevereiro de 2011 (Universidade Cruzeiro do sul, campus Anália Franco);
-Santo André, de 21 a 24 de abril de 2011.



Mais informações no link abaixo:

http://mundodeoz.wordpress.com/2011/01/31/xiii-erea-encontro-regional-de-ensino-de-astronomia/

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

reuniao do gt de 22 de janeiro

Nos encontramos, como previsto, após o I Encontro USP-Escola/VIII Encontro IFUSP-Escola, http://web.if.usp.br/extensao/node/110, que contou com a participação de cerca de 250 professores do estado, no último sábado.

Decidimos nos dividir em três grupos:

- grupo de mecânica, responsável pelo desenvolvimento de material além do caderno do estado e do curso de Movimento do Encontro IFUSP-Escola, incluindo experimentos, e aplicação já neste semestre, para apresentação de resultados em julho 2011, no II Encontro

- grupo do blog, para agilizar as postagens do rico material produzido em diversos encontros. O blog já ganhou nova estrutura, em breve conterá materiais interessantes!

- grupo de interdisciplinaridade, para desenvolvimento. Aguardem convite para participar!